Arquivo

Dia Nacional da Gastronomia

2016-05-24

O Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa foi instituído em Portugal em junho de 2015, após aprovação da Assembleia da Republica, para o último domingo do mês de maio.

Assim, as primeiras comemorações acontecem este ano, a 29 de maio por todo o Pais mas com maior incidência na cidade de Aveiro, onde irão decorrer diversas iniciativas que visam marcar a data.

A Figueira da Foz foi uma das cidades que aderiu às comemorações convidando os seus restaurantes a apresentar uma ementa típica da gastronomia portuguesa, local ou não.
Na semana de 23 a 29 de maio ou simplesmente no dia 29 de maio, será possível saborear aromas e temperos tão portugueses e alguns figueirenses em particular, e assim associar-se a estas comemorações.

Visite os nossos restaurantes aderentes e apreciei o que têm para si!

AREIAS DE SABORES – Av. do Brasil – s/n – areal da Praia da Figueira da Foz - Tel. 233 415 336
Ementa: Ameijoas à Bulhão Pato / Lombos de Bacalhau com Brandade de Bróculos e Cebola em 2 Texturas / Pudim de Ovos Conventual c/ Maçã Reineta & Bombom de Vinho do Porto

CAÇAROLA DOIS - Rua Bernardo Lopes, 85 - Tel. 233 426 930
Ementa: Sopa de peixe c/massinhas / Filetes de Linguado c/ arroz do Mar / Brisa da Figueira

CASA DOS PAPAGAIOS - Rua Eng.º Silva 10 - Tel. 233 422 506
Ementa: Salada de bacalhau /Creme de legumes c/massinhas/ Pataniscas de bacalhau c/ arroz de tomate malandrinho/ Aletria da Avó

CASA DOS SUECOS - Rua Joaquim Sotto Mayor 73A,- Tel: 917 805 581
Ementa: Pataniscas de bacalhau / Ovos verdes / Salada de ovas c/ vinagrete / Sopa de peixe fresco com coentros / Ensopado de robalo / Pato no forno com molho de uvas tintas, Batata corada, Migas de grelos / Leite-creme com flor de laranjeira / Arroz doce com gemas

MAR À VISTA - Snack-bar - – Rua 5 de Outubro 92-94 – Buarcos - Tel: 233 107 271
Ementa: Sopa de peixe / Gata em molhos fervidos/ Sardinha Assada/ Arroz doce

O PICADEIRO – Rua Académico Zagalo, 20 - Tel. 233 426 930
Ementa: Pataniscas de petinga c/ peixinhos da horta/ Costoletas do mar (filetes de sardinha panados) c/ arroz de berbigão / Arroz doce

O PELEIRO - Largo do Alvideiro, 5 - Paião – Tel. 233 940 120
Ementa: Caldo Verde / Feijoada de Samos de Bacalhau / Pudim caseiro.

Pizzaria Restaurante RATOLAS - Estrada de Coimbra, 32 - Tel. 233 422 506
Ementa: Pão de alho e queijo de cabra / Açorda e Mozzarela / Pizza de sardinha / Doce à Ratolas

Restaurante A CANTARINHA - Travessa da Rua das Tamargueiras, 3 - Tel. 233 422 506
Ementa: Sopa de Peixe / Raia à lagareiro / Feijoada de Búzios / Sardinha à Marujo / Fruta da época / Mousse de Abóbora

Restaurante CLARIDADE – Rua da Restauração, 38 - Tel. 233 423 521
Ementa: Sopa de peixe/ Açorda de bacalhau / Raia enxambrada / Leite-creme / Arroz-doce

Restaurante LOTA NOVA - Avª 12 de Julho, 342 - Gala - Telf. 233 912 780
Ementa: Petingas fritas de escabeche/ Sopa de peixe / Raia de pitau / Brisa da Figueira

Restaurante MARÉGRAFO - Largo da Beira Mar, 2- Buarcos - Tel. 233 433 150
Ementa: Arroz de maminhas da Noviça (bacalhau, gambas, feijão vermelho e salicórnia)

BOM APETITE!!

Noticias Relacionadas

Atualização das Rendas para 2019

2019-02-11

De acordo com o Aviso nº 13745/2018, de 26/09, publicado em Diário da República, o coeficiente de atualização dos diversos tipos de arrendamento urbano (habitação, comércio, indústria e exercício de profissão liberal) e rural foi fixado em 1,0115 para vigorar em 2019, o que significa um aumento de 1,15%.

De acordo com a legislação em vigor, o senhorio deve comunicar por escrito, com uma antecedência mínima de 30 dias, o coeficiente de atualização e a nova renda resultante da sua aplicação, por meio de carta registada com aviso de receção.

Envio Obrigatório do Relatório Anual de Segurança e Saúde no Trabalho

2019-02-10

À semelhança de anos anteriores, continua a ser obrigatório as empresas elaborarem e enviarem o Anexo D – Relatório Anual da Atividade do Serviço de Segurança e Saúde no Trabalho, integrado no Relatório Único, referente ao ano anterior.
De acordo com a Portaria nº 55/2010, o Relatório Único é entregue por meio informático, durante o período de 16 de março a 15 de abril.
Os nossos associados com o serviço de Saúde no Trabalho na ACIFF irão receber um questionário de apoio à elaboração do referido relatório, o qual deverão preencher e fazer chegar aos nossos serviços, para que os técnicos responsáveis possam submeter o Anexo D.

Salário Mínimo aumenta para 600€

2019-02-10

A partir de 1 de janeiro de 2019, na sequência da publicação do Decreto-Lei nº 117/2018 de 27 de dezembro, o novo montante do salário mínimo nacional (SMN) foi fixado em 600€.

Novo Regime Contributivo dos Trabalhadores Independentes

2019-02-10

O ano de 2019 trouxe para os trabalhadores independentes abrangidos pelo regime simplificado de tributação (sem contabilidade organizada) alterações no que diz respeito ao apuramento de rendimento.

Assim, deixam de haver escalões e passa a haver declaração de rendimentos correspondentes à atividade exercida nos 3 meses anteriores.

Esta declaração de rendimentos deve ser feita trimestralmente, através da Segurança Social Direta, até ao último dia dos meses de janeiro, abril, julho e outubro.

O registo feito através do link: www.seg-social.pt e com a utilização de senha de acesso permite entregar a declaração obrigatória dos rendimentos trimestralmente, bem como ter acesso aos valores que lhes permitem a variação do rendimento declarado, a cada três meses.

Ficam sem obrigação de entregar esta declaração trimestral os trabalhadores independentes que sejam:
- pensionistas e titulares de pensão resultante da verificação de risco profissional com incapacidade para o trabalho igual ou superior a 70%;
- trabalhadores que acumulem a sua atividade com atividade profissional por conta de outrem, desde que o rendimento acumulado relevante mensal médio de trabalho independente seja de montante inferior a 4 vezes o valor do IAS;
- trabalhadores que a atividade independente e a outra sejam prestadas a entidades distintas;
- que estejam já obrigatoriamente enquadrados num outro regime de proteção social e a remuneração mensal média como trabalhador por conta de outrem seja igual ou superior a 1 vez o valor do IAS.
- advogados e solicitadores integrados obrigatoriamente na respetiva Caixa de Previdência;
- trabalhadores que exerçam em Portugal, com caráter temporário, atividade por conta própria e que provem o seu enquadramento em regime de proteção social obrigatório de outro país;
- proprietários de embarcações de pesca local e costeira que integrem o rol de tripulação e exerçam efetiva atividade profissional nestas embarcações;
- apanhadores de espécies marinhas e os pescadores apeados;
- titulares de rendimentos da categoria B resultantes exclusivamente de: contratos de arrendamento e de arrendamento urbano para alojamento local em moradia ou apartamento, e produção de eletricidade para autoconsumo ou através de unidades de pequena produção a partir de energias renováveis;
- Trabalhadores independentes no Regime da Contabilidade Organizada que não tenham exercido, em novembro, a opção de ficarem abrangidos pela declaração trimestral.

Todos os trabalhadores independentes que não se encontrem em nenhuma destas situações de exclusão têm de preencher na SSD a declaração trimestral de rendimentos.