Arquivo

Relatório Único 2019

2020-02-13

De acordo com a Portaria nº 55/2010, o Relatório Único é entregue por meio informático, durante o período de 16 de março a 15 de abril.

À semelhança de anos anteriores, continua a ser obrigatório as empresas elaborarem e enviarem o Anexo D – Relatório Anual da Atividade do Serviço de Segurança e Saúde no Trabalho, integrado no Relatório Único, referente ao ano anterior.

O serviço de Saúde no Trabalho da ACIFF disponibiliza apoio ao preenchimento do Anexo D, deste relatório único.


Noticias Relacionadas

Linha de Crédito para apoio a Empresas afetadas pelo Furacão Leslie

2018-12-14

Foi lançada esta semana a Linha de Crédito para Apoio a Empresas Afetadas pelo Furacão Leslie que tem como objetivo o financiamento dos custos da reabilitação das instalações e equipamentos atingidos, bem como as necessidades de fundo de maneio associadas ao relançamento da sua atividade.

A ACIFF disponibiliza o seu apoio, através do Gabinete Empresa, para esclarecimentos sobre a linha de apoio bem como ajuda na instrução do processo.

OPERAÇÕES ELEGIVEIS:

• São elegíveis operações destinadas ao financiamento de investimento em instalações e equipamentos atingidos e fundo de maneio associado ao relançamento da atividade;
• A aplicação em fundo de maneio não poderá ultrapassar 25% do valor do financiamento contratado.

CONDIÇÕES DAS ENTIDADES BENEFICIÁRIAS

• Micro, Pequenas e Médias Empresas certificadas por Declaração Eletrónica do IAPMEI, afetadas pelo Furacão Leslie ou pelo incêndio que afetou a região de Monchique em agosto de 2018, situações a comprovar através de apresentação de declaração emitida pelas respetivas Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional ou Câmara Municipal, ou ainda pelo IAPMEI;
• Sendo Empresários em Nome Individual inscritos no regime simplificado de IRS, sem contabilidade organizada, devem apresentar no momento da candidatura ficha descritiva do património (ativos fixos e circulantes) afeto à atividade empresarial;
• Desenvolvam atividade enquadrada na lista de CAEs (Anexo I do Documento de Divulgação);
• Situação líquida positiva no último balanço aprovado, condição não aplicável aos Empresários em Nome Individual inscritos no regime simplificado de IRS, sem contabilidade organizada;
• Não tenham dívidas perante o FINOVA à data do enquadramento e tenham a situação regularizada junto da Administração Fiscal e da Segurança Social à data da contratação do financiamento;
• Empresas que não cumpram as condições referidas no ponto anterior, poderão ter acesso à Linha desde que assumam o compromisso, por escrito, a constar do contrato de financiamento, que procederão à respetiva regularização no prazo de 12 meses a contar da data de contratação da operação.

MONTANTE MÁXIMO POR EMPRESA

• Até 80% do valor dos danos sofridos, identificados pela empresa lesada e validados pelas entidades - Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional ou Câmara Municipal, ou ainda pelo IAPMEI,
• ou 90%, no caso da empresa deter cobertura de risco por contratos de seguros, deduzido do valor das indemnizações dos seguros ou de outras doações ou compensações recebidas para cobrir total ou parcialmente os danos causados, com o limite máximo de 1.000.000 euros.

As empresas poderão apresentar, através da mesma Instituição de Crédito ou de várias Instituições de Crédito, mais do que uma operação à Linha de Crédito.

TIPO DE OPERAÇÕES

• Empréstimos de Medio e Longo Prazo com prazo até sete anos, um período de carência de capital de até dois anos e reembolsos de capital a 1, 3 ou 6 meses.
• As operações beneficiam de uma garantia de 80% prestada pelas Sociedades de Garantia Mútua, cuja comissão de garantia é integralmente bonificada pelo Estado.

TAXA DE JURO A SUPORTAR PELAS EMPRESAS:

Por acordo entre o Banco e o beneficiário, será aplicada à operação uma modalidade de taxa de juro fixa ou variável, indexada à Euribor a 1, 3, 6 ou 12 meses, com um spread variável, com limite máximo entre 1,65% e 3,00%, de acordo com a Tabela que poderá consultar no Documento de Divulgação.

As operações ao abrigo desta Linha ficarão isentas de comissões e taxas praticadas pelos Bancos e outras similares praticadas pelo Sistema de Garantia Mútua, sem prejuízo de serem suportados pelo beneficiário os custos e encargos associados à contratação do financiamento.

Workshop - COMO FINANCIAR O MEU NEGÓCIO

2018-11-16

Realiza-se no dia 03 de dezembro, nas instalações da IEFF - Incubadora de Empresas da Figueira da Foz, um workshop subordinado ao tema 'Como Financiar o meu negócio', uma organização da Academia de PME do IAPMEI e do Turismo de Portugal em parceria com a ACIFF - Associação Comercial e Industrial da Figueira da Foz, destinado a gestores de PME e empresários.

Esta ação surge no âmbito do Plano Nacional de Formação Financeira, e integra um ciclo de sessões que têm como objetivo promoção da literacia financeira junto de empreendedores, empresários e gestores de micros, pequenas e médias empresas.

Com esta ação pretende-se que os formandos consolidem os seus conhecimentos na área financeira, com especial enfoque na escolha de financiamento mais adequado ao seu projeto empresarial.

PROGRAMA
O sistema económico e financeiro e a empresa
Escolha de uma solução de financiamento
Risco de Crédito e Plano financeiro do crédito
Incumprimento do Contrato de Crédito e suas consequências

DESTINATÁRIOS - Empresários e gestores de micro, pequenas e médias empresas
FORMADOR - Edgar Costa - Formador da Bolsa de formadores do Referencial de Formação Financeira
DATA - 03 de dezembro de 2018
LOCAL - IEFF - Incubadora de Empresas da Figueira da Foz| Parque Industrial da Figueira da Foz | Rua das Acácias n.º 40 - A | 3090-380 Figueira da Foz
DURAÇÃO - 7 horas
HORÁRIO - 10h00 às 18h00 (com 1 hora de intervalo de almoço)

INSCRIÇÕES - Gratuito

Workshop - A Contabilidade na Gestão da Empresa

2018-10-01

Realiza-se no dia 16 de novembro, nas instalações da IEFF - Incubadora de Empresas da Figueira da Foz, um workshop subordinado ao tema 'A contabilidade na gestão da empresa', uma organização da Academia de PME do IAPMEI e do Turismo de Portugal em parceria com a ACIFF - Associação Comercial e Industrial da Figueira da Foz, destinado a gestores de PME e empresários.

Esta ação surge no âmbito do Plano Nacional de Formação Financeira, e integra um ciclo de sessões que têm como objetivo promoção da literacia financeira junto de empreendedores, empresários e gestores de micros, pequenas e médias empresas.

Com esta sessão formativa pretende-se que os formandos reconheçam o papel da contabilidade na gestão da empresa e consigam interpretar os principais mapas contabilísticos, compreendendo o seu significado e utilidade.

PROGRAMA
Contabilidade como instrumento de apoio à gestão
Contabilidade financeira e contabilidade de gestão / analítica
Principais modelos de demonstrações financeiras
Interpretação de mapas contabilísticos
Análise económico-financeira

DESTINATÁRIOS - Empresários e gestores de micro, pequenas e médias empresas

FORMADOR - João Nunes - Formador da Bolsa a de formadores do Referencial de Formação Financeira

DATA - 16 de novembro de 2018
LOCAL - IEFF - Incubadora de Empresas da Figueira da Foz| Parque Industrial da Figueira da Foz | Rua das Acácias n.º 40 - A | 3090-380 Figueira da Foz
DURAÇÃO - 7 horas
HORÁRIO - 09h30 às 17h30 (com 1 hora de intervalo de almoço)

INSCRIÇÕES - Gratuito

Concursos abertos no âmbito do PORTUGAL 2020

2018-08-24

Os concursos que estão abertos no âmbito dos Sistemas de Incentivos – vertente Competitividade e Internacionalização – PORTUGAL 2020 são:

VALE COMÉRCIO - Sistema de Incentivos “Qualificação das PME”
Aviso N.º 21/SI/2018 - Período de Candidatura - 31-07-2018 a 30-10-2018

VALE INCUBAÇÃO - Sistema de Incentivos “Empreendedorismo Qualificado e Criativo”
Aviso N.º 23 /SI/2018 - Período de Candidatura - 31-07-2018 a 30-10-2018

VALE OPORTUNIDADES DE INVESTIGAÇÃO – Sistema de Incentivos de ID&T
Aviso 24/SI/2018 - Período de abertura: 31-07-2018 a 30-10-2018

VALE ECONOMIA CIRCULAR - Sistema de Incentivos “Qualificação das PME”
Aviso N.º 20/SI/2018 - Período de abertura: 31-07-2018 a 31-10-2018

VALE OPORTUNIDADES DE INTERNACIONALIZAÇÃO – “Internacionalização das PME”
Aviso N.º 25/SI/2018 - Período de abertura: 31-07-2018 a 30-10-2018

Projetos de I&D Industrial à Escala Europeia – Projetos individuais e em Copromoção,
Aviso N.º 18/SI/2018 - Período de abertura: 31-07-2018 a 29-03-2019

Projetos Demonstradores individuais de I&D – Selos de Excelência – Fase 2 do SME Instrument
Aviso N.º 19/SI/2018 - Período de Abertura: 31-07-2018 a 25-01-2019

SI QUALIFICAÇÃO PME’S – Projetos Individuais - Sistema de Incentivos “Qualificação das PME”
Aviso N.º 26/SI/2018 - Período de abertura: 03-08-2018 a 28-09-2018

SI Internacionalização das PME - Sistema de Incentivos “Qualificação das PME”
Aviso N.º 27/SI/2018 - Período de abertura: 03-08-2018 a 31-10-2018


Portugal 2020-Pré-registo de candidaturas nos concursos de Empreendedorismo Qualificado e Criativo e Inovação Produtiva

Já é possível efetuar o pré-registo das candidaturas das empresas que queiram candidatar os seus projetos de investimento aos incentivos do Portugal 2020, nos concursos de Empreendedorismo Qualificado e Criativo e Inovação Produtiva.

Este pré-registo tem como objetivo continuar a estimular o investimento das empresas, sem que estas tenham de adiar o arranque dos seus projetos.
Tendo em conta que o Portugal 2020 não permite o apoio a projetos já iniciados, o pré-registo de candidaturas salvaguarda o início dos investimentos, antes mesmo da abertura das fases de candidatura, que só deverá ocorrer após a aprovação da Comissão Europeia à proposta de reprogramação apresentada por Portugal.