Arquivo

Visite as nossas montras até dia 29 de Junho

2013-04-30

A animação na cidade já se vive e os festejos dos Santos Populares já começaram com o Santo António.

Nesse sentido e contando com o apoio do Sweet Atlantic Hotel, da Primage, do Centro de Artes e Espectáculos e da Figueira Parques, entidades que se associaram a ideia oferecendo os prémios, a ACIFF desafiou os comerciantes da cidade a decorarem as suas montras fazendo homenagem aos Santos populares.

Sob o mote “Os Santos Populares no Comércio da Figueira” está a decorrer até ao próximo dia 29 de Junho um passatempo de montras.

Esta iniciativa tem como principal objectivo promover a actividade comercial, destacando a atractividade e captando a atenção do consumidor para a imagem exterior da loja, a área de montra e fazendo desta um passaporte para o interior dos estabelecimentos, que serão visitados para serem avaliados em relação á originalidade e criatividade face ao tema proposto, á harmonia da ocupação do espaço, a iluminação da montra e as cores expostas face ao produto e decoração.

A adesão de novas lojas e a participação de outras que há muitos anos se tinham deixado destas lides, permite-nos ter 28 estabelecimentos a participar.
Da entrada na cidade, passando pela baixa, dando uma volta no bairro novo e terminando em Buarcos devem ser visitadas as seguintes lojas:
Jomafal- Electrodomésticos - Rua Arnaldo Sobral,n.º53-Centro de Actividades loja 5
Liflor Florista-Rua Afonso de Albuquerque,n.º2
Adornus - Rua Fernandes Tomas,186-r/c
Foz Mania - Rua da Republica, n.º27
Rótulos & Expressões - Rua da Republica,n.º71-73
Lojas Foto Braga - Rua da Republica, n.º133 - R/ch
Passerele - Pronto a Vestir - Rua da Republica, n.º135
Ourivesaria Caetano - Rua da Republica, n.º140
Cambraia Modas - Rua da Republica, nº178 - 186
Primoptica - Rua da Republica, n.º211
Papelaria Lusitana - Rua da Republica, n-º224
Miúdos Giros - Rua da Republica, n.º252
Optica Morais - Praça 8 Maio, n.º11
Sapatarias Quaresma - Cais da Alfandega, n.º23
Salgueiro e C.ª - Rua 5 de Outubro, n.º11 e 12
Sapatarias Quaresma- Rua 5 de Outubro, n.º18
Ourivesaria Lontro - Passeio Infante D. Henrique, n-º27
Quiksilver - Rua Bernardo Lopes, n.º67
Boutique 29 - Rua Dr. Calado, n.º29
Imoexpansão Imobiliária - Rua da Liberdade, n.º63
Deco Balão - Rua da Liberdade, n-º27
Rotas do Mundo - Agência de Viagens - Rua Miguel Bombarda, n-º25
Boutique Isabel Lopes - Rua Miguel Bombarda, n.º11
Lojas Foto Braga - Rua Maestro David Sousa, n-º64
Centro Optico Sotto Mayor - Rua Maestro David Sousa, n.º72
Cassata - Geladaria e Cake Design - Rua Maestro David Sousa, n.º74
Santiago Bikes - Avenida 25 de Abril, n.º8 D
Lojas Foto Braga- Largo Maria Jarra, n.º16 - Buarcos

RELATÓRIO ÚNICO entrega de 16 Março a 24 Abril

2013-04-24

A entrega do Relatório Único deverá ser feita a partir de 16 de Março, tendo sido prolongado ate dia 24 de Abril a entrega.

Este Relatório surgiu com a regulamentação do Código do Trabalho que criou uma obrigação única, a cargo dos empregadores, de prestação anual de informação sobre a actividade social da empresa, com conteúdo e prazo de apresentação regulados, entretanto, na Portaria n.º 55/2010 de 21 de Janeiro.

Esta entrega anual reúne informações até agora dispersas respeitantes:

•Ao quadro de pessoal;

•À comunicação trimestral de celebração e cessação de contratos de trabalho a termo;

•À relação semestral dos trabalhadores que prestaram trabalho suplementar;

•Ao relatório da formação profissional contínua;

•Ao relatório da actividade anual dos serviços de segurança e saúde no trabalho - Anexo D;

•Às greves;

•Ao Balanço Social, como resultado da informação constante dos itens descritos acima desde que os mesmos tenham sido entregues;

•A informação anual inclui ainda informação sobre os prestadores de serviço.

A ACIFF disponibiliza apoio às empresas que detem os serviços de Segurança Higiene e Saúde no Trabalho com esta Associação para o preenchimento do anexo D.

Mais informações contacte os serviços da ACIFF.

Tomada de Posse da Nova Direcção 2013-2015

2013-03-06

A nova Direcção da ACIFF para triénio 2013-2015 toma posse, no proximo dia 8 de Março, pelas 19h30, no Salão Nobre da Casa do Paço.

Esta cerimónia conta com a presença do Secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Regional - Dr. Antonia Almeida Henriques, bem como responsaveis das entidades do concelho e socios convidados para o efeito.


A Cidade da Figueira da Foz como Pólo de Atracção para o Desenvolvimento Económico e Turistico da Região Centro

2013-02-28


Realiza-se dia 1 de Março, no Centro de Artes e Espectaculos da Figueira da Foz, um programa sobre a rede de cidades Cencyl.

Informações e programa do evento em anexo.
Participação gratuita.

ACIFF realiza Assembleia Geral Extraordinária

2013-01-21

A ACIFF nos termos da alínea g) do Art.º 14.º dos seus Estatutos, vai realizar nas instalações da IEFF - Incubadora de Empresas da Figueira da Foz,na Rua das Acácias, 40A - Gala, no próximo dia 6 de Fevereiro duas Assembleias Gerais Extraordinárias:

- pelas 18h00, Apresentação, discussão e votação do Orçamento e Plano de Actividades 2013;

- pelas 19h00, Eleição dos Corpos Sociais - Mesa da Assembleia Geral, Direcção e Conselho Fiscal, para triénio 2013-2015, nos termos do art.º 11.º e 12.º dos Estatutos.

Contamos com a presença de todos os sócios.

NOVAS REGRAS DE FATURAÇÃO ENTRAM EM VIGOR EM JANEIRO 2013

2013-01-01

A 24 de agosto de 2012, o decreto-lei n.º 197/2012 e 198/2012, estabeleceram uma obrigação transversal de faturação a todos os sujeitos passivos de IVA.

Estas alterações produzem efeitos a partir de 1 de janeiro de 2013.
Foi introduzido no art.º 40 do CIVA um novo conceito de faturação simplificada que substitui o anterior conceito de “talão de venda” e de dispensa de faturação.
As faturas simplificadas apenas podem ser emitidas para operações realizadas a particulares não sujeitos passivos, relativos a vendas de bens efetuadas por retalhistas ou vendedores ambulantes, quando o valor da fatura não for superior a 1000 euros ou relativamente a outras transmissões de bens e prestações de serviços mesmo a sujeitos passivos de imposto em que o montante da fatura não seja superior a 100 euros.

ELEMENTOS CONSTANTES DA FATURA SIMPLIFICADA:
•Devem ser datadas e numeradas sequencialmente;
•Nome ou denominação social e número de identificação fiscal do fornecedor dos bens ou prestador dos serviços;
•Quantidade e denominação usual dos bens transmitidos ou dos serviços presta¬dos;
•O preço líquido de imposto, as taxas aplicáveis e o montante de imposto devido, ou o preço com a inclusão do imposto e a taxa ou taxas aplicáveis;
•Número de identificação fiscal do ad¬quirente ou destinatário, quando for sujeito passivo em geral;
•Quando o adquirente ou destinatário for um particular não sujeito passivo, a fatura simplificada poderá conter o seu NIF quando este o solicite.
As faturas simplificadas permitem o direito à dedução nos termos do art.º 19 do CIVA, quando emitidas a sujeito passivos de imposto desde que respeitados os elementos exigidos nomeadamente o NIF do adquirente.

FORMAS DE EMISSÃO DAS FATURAS SIMPLIFICADAS
As faturas simplificadas podem ser:
•Processadas por computador;
•Emitidas em papel impresso em tipografias autorizadas (art.º 5 do Decreto-Lei n.º 198/90, de 19 de junho);
•Ou ainda por outros meios eletrónicos, nomeadamente máquinas registadoras, terminais eletrónicos ou balanças eletrónicas, com registo obrigatório das operações no rolo interno da fita da máquina ou em registo interno por cada transmissão de bens ou prestação de serviços.

A fatura simplificada não contempla a possibilidade de indicação do nome e morada do destinatário dos bens ou serviços, do motivo justificativo da não aplicação do imposto nem data em que os bens foram colocados à disposição do adquirente, ou os serviços forem realizados, quando essa data não coincida com a respetiva emissão, pelo que, quando estejam em causa estas circunstâncias, devem ser emitidas faturas nos termos do artigo 36º do CIVA.

DISPENSAS DE FATURAÇÃO
A nova redação do artigo 40º do CIVA mantém a dispensa de emissão de fatura nas seguintes circunstâncias:
•Prestações de serviços de transporte, de estacionamento, portagens e entradas em espetáculos, quando seja emitido um bilhete de transporte, ingresso ou outro documento ao portador comprovativo do pagamento;
•Transmissões de bens efetuadas através de aparelhos de distribuição automática que não permitam a emissão de fatura.
Prevê-se ainda a dispensa de emissão de fatura aos sujeitos passivos que pratiquem exclusivamente operações isentas de IVA, excepto quando essas obrigações dêem direito a dedução nos termos da alínea b) do n.º 1 do artigo 20 do código do IVA. Também se mantêm a dispensa de emissão de fatura pelos sujeitos passivos abrangidos pelo regime especial de isenção dos pequenos contribuintes, previsto no artigo 53º do CIVA.
Face às alterações introduzidas, existe de facto um novo conceito de faturação simplificada que não difere muito do anterior talão de venda.

COMUNICAÇÃO MENSAL DA FATURAÇÃO SIMPLIFICADA À AT

Os sujeitos passivos (pessoas singulares ou coletivas, que tenham sede, estabelecimento estável ou domicilio fiscal em território português e aqui pratiquem operações sujeitas a IVA) deverão comunicar à AT, até ao dia 8 do mês seguinte ao da emissão fatura ou fatura simplificada, os elementos das faturas emitidas para todas as operações sujeitas a IVA.
Nos cados de faturação eletrónica, a comunicação é feita em tempo real, integrada no próprio programa de faturação. Não sendo o caso existem duas possibilidades:
•Os sujeitos passivos obrigados a produzir o ficheiro SAFT podem optar pela comunicação em tempo real ou por transmissão eletrónica de dados mediante remessa de ficheiro normalizado estruturado com base no ficheiro SAFT-PT;
•Os sujeitos passivos que não estejam obrigados a produzir o ficheiro SAFT-PT, podem optar pela inserção direta no Portal das Finanças, através de aplicação ou sítio criado para o efeito ou por outra via eletrónica a definir em Portaria do ministro das Finanças.

Uma vez definido pelo sujeito passivo o sistema de comunicação dos elementos das faturas, este deverá ser mantido para o mesmo ano civil.
Assim, os sujeitos passivos que utilizem faturas simplificadas emitidas em papel impresso em tipografias autorizadas ou por outros meios eletrónicos, nomeadamente máquinas registadoras, terminais eletrónicos ou balanças eletrónicas, com registo obrigatório das opera¬ções no rolo interno da fita da máquina ou em registo interno por cada transmissão de bens ou prestação de serviços, como não produzem o ficheiro SAFT-PT dos sistemas informáticos de faturação, terão que efetuar a comunicação por inserção direta no Portal das Finanças, através de aplicação ou sítio criado para o efeito.

Apresentação novos sistemas incentivos QREN

2012-12-07

A ACIFF realiza no próximo dia 10 de Dezembro, pelas 17h30 no auditorio da Incubadora de Empresas,situado na rua das Acácias, lote 40A - Zona Industrial da Gala, mais uma edição dos Encontros ACIFF, que visa apresentar e debater temas actuais e de utilidade para todos.
Assim nesta edição irão ser abordados os novos Sistemas de Incentivos que tem de momento candidaturas abertas.

Programa:

17h10 - Recepçaõ dos participantes
17h20 - Palavras boas vindas ACFF
17h30 - Sistemas Incentivos QREN
Helena Nunes - IAPMEI
18H00 - PROMAR - Programa Operacional das Pescas
Antonio Santos - AD ELO
18H30 -Programas FORMAÇÃO-ACÇÃO
Cristiana Mano - ACIFF

Em anexo programa com mais informações.

INSCRIÇÕES GRATUITAS!
Tel: 233401320 | E-mail: aciff@aciff.pt

Formação Profissional Gratuita

2012-10-10

A ACIFF obteve a aprovação de mais uma plano de formação profissional financiado.

A partir de Setembro e até final de 2013 serão várias as acções a desenvolver.

Estas formações destinam-se a adultos empregados e/ou desempregados com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 65 anos, que queiram aumentar as suas qualificações escolares, profissionais e/ou pessoais.

As regalias inerentes à frequência com sucesso são um certificado e a atribuição de um subsídio de 4,00€ por cada dia de formação frequentado.

As inscrições podem ser feitas através do site da ACIFF, por email, por fax ou presencialmente nos nossos serviços.

Completamente Gratuito aproveite esta oportunidade!